El investigador como testigo de la vida de la juventud infame

Carla Lavarda Concentino Caetano, Andrea Cristina Coelho Scisleski, Giovana Barbieri Galeano

Resumen

Este artigo objetiva discutir a posição do pesquisador como testemunha da história da juventude em conflito com a lei, ou seja, enquanto uma posição ética no que diz respeito à produção de conhecimento acerca do percurso dos jovens no sistema socioeducativo. Nossas análises se embasam nas contribuições de Michel Foucault, Giorgio Agamben e Walter Benjamin e a estratégia metodológica utilizada para o estudo é a cartografia, cujos procedimentos envolveram leituras de processos judiciais e assistência a audiências na Vara da Infância e Juventude durante os anos de 2013 e 2014. Conclui-se que a atual configuração social permite a existência de relações de abandono, apagamento para com certas vidas que são deixadas à margem da história, tomando-as como vidas desqualificadas.

Palabras clave

Juventude em conflito com a lei; Pesquisador como testemunha; Cartografia; Psicologia Social

Texto completo:

PDF (Português)

Referencias

Agamben, Giorgio (2003/2004). Estado de Exceção. Homo Sacer II. São Paulo: Boitempo.

Agamben, Giorgio (1999/2008). O que resta de Auschwitz: o arquivo e a testemunha. Homo Sacer III. São Paulo: Boitempo.

Agamben, Giorgio (2009). O que é o dispositivo? In Giorgio Agamben. O que é o contemporâneo? E outros ensaios (pp. 25-54). Chapecó, SC: Argos.

Agamben, Giorgio (1995/2010). Homo sacer: o poder soberano e a vida nua I. Belo Horizonte: Editora UFMG.

Benjamin, Walter (1921/1986). Crítica da violência – Crítica do poder. In Walter Benjamin. Documentos de Cultura, documentos de barbárie: escritos escolhidos (pp. 160-175). São Paulo: Cultrix Editora da Universidade de São Paulo.

Benjamin, Walter (1933/1986). “Experiência e pobreza”. In Walter Benjamin, Documentos de Cultura, documentos de barbárie: escritos escolhidos (pp. 195-198). São Paulo: Cultrix Editora da Universidade de São Paulo.

Benjamin, Walter (1930/1986). Politização da Inteligência. In Walter Benjamin, Documentos de Cultura, documentos de barbárie: escritos escolhidos (pp. 116-120). São Paulo: Cultrix Editora da Universidade de São Paulo.

Benjamin, Walter (1940/2012). Sobre o conceito da história. In Walter Benjamin, Magia e Técnica, arte e política: ensaios sobre a literature e história da cultura (pp. 241-252). São Paulo: Brasiliense.

Decreto nº 17.943 de 12 de outubro de 1927 (CLBR de 31.12.1927). Consolida as leis de assistência e protecção a menores. Recuperado de http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto/1910-1929/d17943a.htm

Decreto-Lei nº 3.689 de 03 de outubro de 1940. Código de Processo Penal (DOU de 31.12.1940). Recuperado de http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto-lei/del3689.htm

Caetano, Carla Lavarda Concentino. (2015). Sementes mal plantadas que já nascem com caras de abortadas: políticas de (des)proteção para jovens infames. Dissertação de Mestrado inédita, Universidade Católica Dom Bosco). Recuperado de https://site.ucdb.br/public/md-dissertacoes/16773-final.pdf

Foucault, Michel (1976/1988). História da Sexualidade I: A vontade de saber. Rio de Janeiro: Editora Graal.

Foucault, Michel (1992). A vida dos homens infames. In Michel Foucault. O que é um autor? (pp. 89-128). Lisboa: Passagens.

Foucault, Michel (1973/2003). A verdade e as formas jurídicas. Rio de Janeiro: Nau editora.

Foucault, Michel (1978/2008). Segurança, Território e População. São Paulo: Martins Fontes.

Foucault, Michel (1979/2008). O Nascimento da Biopolítica. São Paulo: Martins Fontes.

Foucault, Michel (2010). O sujeito e o poder. In Hubert L. Dreifus & Paul Rabinow (Orgs.), Michel Foucault: uma trajetória filosófica para além do estruturalismo e da hermenêutica (pp. 231-249). Rio de Janeiro: Forense Universitária.

Foucault, Michel (2012). A tortura é a razão. In Michel Foucault. Segurança, Penalidade e Prisão (pp. 104-112). Rio de Janeiro: Forense Universitária.

Lei nº 6.697 de 10 de outubro de 1979 (DOU de 11.10.1979). Institui o Código de Menores. Recuperado de http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/1970-1979/L6697.htm

Lei nº 8.069 de 13 de julho de 1990 (DOU de 16.07.1990). Dispõe sobre o Estatuto da criança e do adolescente. Diário Oficial da União, Brasília, Senado Federal. Recuperado de http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/L8069.htm

Mato Grosso do Sul (2014). Relatório de visita in loco à Unidade de Educação Interna Dom Bosco. OF. CIRC/CDH/OAB/MS/Nº002/2014. Campo Grande/MS: Ordem dos Advogados do Brasil, Seção de Mato Grosso do Sul. [Não publicado].

Passos, Eduardo; Escossia, Liliana, & Kastrup, Virgínia (2009). Pistas do método da cartografia: Pesquisa-intervenção e produção de subjetividade. Porto Alegre: Sulina.

Passos, Eduardo & Barros, Regina Benevides. (2009). A cartografia como método de pesquisa-intervenção. In Passos, Eduardo, Escossia, Liliana, & Kastrup, Virgínia. (2009). Pistas do método da cartografia: Pesquisa-intervenção e produção de subjetividade (pp. 17-31). Porto Alegre: Sulina.

Scisleski, Andrea; Galeano, Giovana Barbieri; Silva, Jhon Lenin Caldeira, & Santos, Suyanne Nayara (2014). Medida Socioeducativa de Internação: dos corpos dóceis às vidas nuas. Psicologia: Ciência e Profissão, 34(3), 660-675. http://dx.doi.org/10.1590/1982-3703001682013

Scisleski, Andrea Cristina Coelho, Checa, Maria Eduarda Parizan, Bruno, Bruna Soares, Galeano, Giovana Barbieri, Santos, Suyanne Nayara, & Vitta, Ana Lígia Saab (2017). A lei em conflito com os jovens: problematizando as políticas públicas. Polis e Psique, 7(2), 4-27. https://doi.org/10.22456/2238-152X.70477

Waiselfisz, Julio Jacobo. (2011), Mapa da Violência 2012: Os novos padrões da violência homicida no Brasil. 243 p. Instituto Sangari, São Paulo. Recuperado de http://mapadaviolencia.org.br/pdf2012/mapa2012_web.pdf

Métricas de artículo

Cargando métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM
Copyright (c) 2019 Carla Lavarda Concentino Caetano, Andrea Cristina Coelho Scisleski, Giovana Barbieri Galeano