Efeitos da participação em grupos de conversações públicas

Beatriz Adolfo, Laura Vilela e Souza, Murilo dos Santos Moscheta

Resumen

O objetivo desta pesquisa foi analisar o efeito da participação de profissionais da saúde, educação e religiosos em grupos de conversações públicas com pessoas LGBT. Os participantes foram entrevistados algumas semanas após a participação nos grupos. Os profissionais mencionaram que essa metodologia de diálogo (intitulada Projeto de Conversações Públicas) permitiu com que aprendessem como qualificar suas práticas, refletirem sobre as dificuldades de se falar sobre gênero e diversidade sexual em seu contexto de atuação, e que tivessem contato com histórias impactantes de violência e discriminação de pessoas LGBT. O formato de conversa permitiu falar e escutar em um ambiente de menos julgamento. As diferenças nos efeitos produzidos por cada grupo são discutidas em relação às diferenças na composição grupal e às especificidades do contexto dentro do qual cada temática abordada se insere.

Palabras clave

Conversações públicas; Construcionismo social; LGBT; Diálogo

Texto completo:

PDF (Português)

Métricas de artículo

Cargando métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM
Copyright (c) 2016 Murilo dos Santos Moscheta, Laura Vilela e Souza, Beatriz Adolfo